O benefício dos chás

O chá é uma bebida de baixíssima caloria, disponível em dezenas de sabores e combinações. É riquíssimo em polifenóis e flavonoides, poderosos antioxidantes que combatem os radicais livres responsáveis pelo nosso envelhecimento e pelo desenvolvimento de diversas doenças. Os chás podem ter propriedades calmantes, estimulantes, diuréticas, anti-inflamatórias. Dentre os diversos benefícios estão a melhora nos níveis de concentração, aumento dos níveis de energia, melhora e remissão de inflamações, diminuição do risco de desenvolver doenças cardiovasculares, prevenção do câncer, melhora do perfil lipídico, liberação de retenção de líquidos. Porém é importante manter uma regularidade no consumo dos mesmos para sentir os benefícios.

Prefira sempre os chás frescos, produzidos na hora do consumo ou no máximo após 24 horas do preparo. O chás preparados a partir das flores e ervas devem ser preparados por infusão com uma proporção de uma colher de sopa para 1 litro de água. Coloque a água para ferver e quando saírem as primeiras bolhinhas desligue, acrescente a erva e abafe durante 10 minutos. Com ervas duras (cascas) faça uma decocção, quando a água ferver acrescente a erva, tampe e deixe em fogo baixo por 5 a 7 minutos.

Ai vão algumas ervas e suas propriedades:

  • Alecrim: Cicatrizante, digestivo e auxilia no tratamento de gastrites; Alho: É anti-inflamatório, ajuda na melhora dos sintomas de gripes e resfriados;
  • Boldo do chile: Auxilia o processo digestivo, melhora os sintomas da azia e gastrite;
  • Camomila: Além de ser um calmante natural, ajuda a minimizar as cólicas e é antibacteriano;
  • Cavalinha: Ajuda a diminuir os inchaços, e é um calmante natural, porém não é indicado para pessoas com insuficiência renal ou cardíaca;
  • Erva-cidreira: Diminui a ansiedade, melhora o sono e ajuda a minimizar cólicas e gases;
  • Hibisco: Antioxidante, diurético e melhora fluidez sanguínea;
  • Hortelã: Diminui a ansiedade, e é uma erva digestiva, melhorando assim os sintomas de desconfortos gástricos.

E entre os chás branco, preto e verde? Qual a diferença e qual seria a melhor opção? São chás riquíssimos em antioxidantes. Derivam da mesma planta, a Camellia Sinensis. Porém, passam por processos de oxidação diferentes e é isso que modifica a cor das folhas, o sabor e o cheiro. Quanto menor a oxidação mais polifenóis estarão presentes na erva, então o chá branco além de ser mais suave possui um maior poder antioxidante, em seguida vem o chá verde e com um menor poder antioxidante vem o chá preto. É importante ressaltar que as ervas utilizadas devem ser provenientes de plantações orgânicas, a fim de evitar o consumo de chás contaminados por agrotóxicos.

comments

Add comment

Your comment will be revised by the site if needed.